terça-feira, janeiro 15, 2008

Se puder, acredite!


Quando eu era mais novinho (arram, arram...), tinha um programa de TV que eu gostava muito de assistir, chamado “Acredite se quiser”. Ia ao ar pela finada TV Manchete, apresentado pelo também finado Jack Palance, quem lembra? Ninguém? Só eu? Caraco! Acho que eu estou ficando velho...
*
Bem, o programa, cujo nome original era “Believe it or not”, foi criado há muito tempo pelo cartonista e aventureiro Robert Ripley (1893-1949). Na verdade, desde 1918 ele já apresentava, em forma de desenhos, a coleção de bizarrices que ele encontrava pelo planeta. E como tinha (e tem) coisa bizarra nesse mundo!
*
Eu lia nO Globo, lá em mil-novecentos-e-não-vem-ao-caso, a coluna “Acredite se quiser” e me divertia com as excentricidades. Eu até já andei fazendo post sobre isso. Mas a cada vez que eu dou uma geral pela internet percebo que o Ripley teria muito assunto para os seus programas. Esse mundo é estranho, mesmo...
*

Olhem só: “Homem puxa ônibus londrino com as orelhas”.
A falta do que fazer é um troço incrível... Pois um britânico, um tal de Mangit Singh, foi pra rua e arrastou um ônibus de 7,5 toneladas pelas orelhas.


Ele queria entrar no Guiness, mas dançou. Um outro maluc..., quer dizer, concorrente, tinha puxado um avião a jato com os pavilhões auditivos! A essa altura, o cara deve estar que nem o Sr. Spock, de “Jornada nas Estrelas”...
*
Mas nem só de doidões se fazem as bizarrices da vida. Li, recentemente, que um cara tinha sido adotado e quando fez 18 anos, queria porque queria encontrar sua mãe biológica. Foi na agência que tratou de sua adoção e com muito custo conseguiu o nome da mulher. Uma tal Christine Talladay. Daí, o sujeito caiu dentro da Internet, atrás da genitora que o tinha entregue para ser adotado. Não achou nada. Tempos depois, ele recebeu da agência um papel dando conta de que tinham errado na grafia do nome da mulher. O certo era Tallady.

Voltou para a internet e, para sua surpresa, descobriu que o endereço da mãe era perto da loja em que ele trabalhava. Conversando com o chefe, perguntou se ele conhecia a mulher e a rua em que ela morava. “Você está falando da Chris Tallady? Ela trabalha aqui desde abril.” Pois é. Acredite se quiser. O cara procurando a mãe e ela era colega de trabalho dele! É mole ou quer mais? Vejam os dois na foto.
*
Eu guardei por último a melhor das excentricidades. Essa é flórida, mesmo!
Pois bem. Tem uma britânica chamada Sarah Carmen (a moça da foto abaixo), de 24 aninhos a criança, que afirmou ter, em um dia normal, cerca de 200 orgasmos por dia! Alô, atenção! Eu falei 200 orgasmos por dia!

Disse a matéria que ela tem uma rara (e interessante!) doença chamada de “Síndrome de Excitação Sexual Persistente” (PSAS, na sigla em inglês), que a deixa bastante excitada por longos períodos, mesmo sem ter qualquer estímulo ligado ao nheco-nheco.

Segundo a reportagem, o barulho do trem, o som do secador de cabelo, o movimento ritmado de uma fotocopiadora, uma freada do ônibus, qualquer coisa assim pode fazer a moça gozar enlouquecidamente. O repórter que a entrevistou assegura que ela não é ninfomaníaca. A tal síndrome dela causa excessiva irrigação sangüínea na periquita, fazendo com que tenha alta, ultra, mega sensibilidade no local. Quem começou a achar que tinha algo de estranho acontecendo foi um namorado da moça. Quando os dois estavam no lesco-lesco, nem bem começavam os trabalhos e a moça já estava “oooooohhh...huuummm...aaaahhhh!”. Claro, pois se ela revira os olhinhos quando ligam o liqüidificador, imagina quando a cobra caolha brinca de trenzinho com a perereca? É uma loucuuuura! Aliás, ela afirmou que não costuma ser fácil manter um namorado, pois os caras se sentem frustrados, já que não precisam nem caprichar. Basta botar o canelloni pra fora e a moça já entra em atitude de “aimeudeus, aimeudeus...”
*
Já pensaram como é esquisita a vida de uma pessoa assim? Já imaginaram ela num velório? Ela ali, ao lado do caixão e alguém, sei lá, acende um isqueiro perto dela...
“Yes! Yeees! Oh, yeeeeeeeeeeeesssss”!!!!
E ela num restaurante? Ela senta para almoçar, começa a cortar o bife e...”anh... aaaanh... AHHHHHHHHHHHHHHH!!!!!!!!!!!!!” No mínimo, alguém chamaria o garçom e pediria: “Vou querer o mesmo que aquela moça está comendo!”
*
Para vocês verem como a vida da moça é...huuum... digamos... agitada, disse o jornalista, Matthew Acton, que durante a entrevista de 40 minutos a britânica "chegou lá" cinco vezes. Ele só não falou o que ele fez para a moça gritar “bingo” por cinco vezes em menos de uma hora...
M.S.
***********************************************
Na Rádio Antigas Ternuras, você ouve “Paciência”, com Lenine.

31 comentários:

DO disse...

Fiquei muito impressionado com a história do rapaz que procurou a mãe biológica,MARCO.
O que é a vida,hem!!

Grande abraço!

http://www.ramsessecxxi.blogger.com.br

guiga disse...

Fartei-me de rir com estas histórias. A última então, bate recordes! loool
Adoro ler-te! Já te tinha dito isto, não já?lol
Beijos e continuação de uma óptima semana! *.*

Erika disse...

Ainda tem este programa, Marco, em algum canal que não me lembro, da TV Fechada e é o Super Homem do seriado do Superhomem que apresenta.. (nossa, minha explicação foi clarissima, né? ahahaha)

Beijos querido


"Oncotô? (Erika)"

SOS online disse...

Olá meu amigo, a gente não envelhece, você não está ficando velho, é o mundo que envelhece; nós os coroas de hoje apenas vamos levando a vida a adquirindo conhecimentos e este mundo veio vai ficando para trás.
Beijo
Alda Inacio

_Maga disse...

Impressionante, mesmo!

Acreditemos se quisermos rs

Mas a vida da moça não deve ser lá das mais interessantes, isso deve atrapalhar um bocado as outras areas da vida dela... rs

beijos

ps.: eu adoro o jeito que vc conta as histórias!

Tina disse...

Oie!

Eu me lembro desse programa...e não sei se isso é bom ou ruim(rs)!

Eu li a reportagem da mãe e filho e cada dia mais me convenço de que não existe "coincidência!

beijos e boa 4 feira,

Moacy Cirne disse...

Também me lembro bem do 'Acredite de quiser', apresentado pelo Jack Palance. De certo modo, era um dos meus programas favoritos. Mas, cético, não acreditava em quase nada do que era mostrado. Um grande abraço.

simone disse...

OI Marco!
Esse caso da moça dos 200 orgasmos e mesmo interessante, apesar de ter uma vida de muito prazer deve ser muito constrangedor pra ela em determinadas situações.
Daria um excelente "acredite..... se quiser."
Mesmo de ferias,não consegui ficar sem passar por aqui. Olha só que legal, eu nao sou exatamente da mesma epoca que voce mas não fiquei muito atras não. Eu adorava assistir o Acredite se quiser e parece ate que ainda lembro do Jack pronunciando com suspense as palavras "Acrediti....se quizer. Quando eramos crianças sempre contavamos uma vantagem para um amigo diziamos a famosa frase. O cara era demais.
Outro dia ainda assisti um trecho de um desses programas mas não me lembro exatamente em que canal da TV a cabo.

Abraço!

claudia disse...

200 orgasmos por dia!!!!!!!!!!
rsrs


afe

beijo querido

no coração

Marcos disse...

O que deve ter de mulher odiando a inglesinha...

Sandra Leite disse...

Marco,

Essa inglesa seria uma excelente personagem para qualquer obra do Nelson Rodrigues ;)
E quanto a cena do fime - esqueci o nome - acho antológica, patética e memorável.
Mais uma vez, uma delícia te visitar

beijos

Sandra Cristina disse...

Gostei da histório da rapaz, mas da moça dos orgasmos é interresante...

BABI SOLER disse...

Imagina essa criatura em uma missa, kkkk
Nem dá tempo de aproveitar um e já vem o outro.

Márcia(clarinha) disse...

Interessantíssimas histórias, cada coisa de louco, rss
A tal mocinha prazerosa eu já tinha lido credo!!Gozar com o liquidificar, opsss, com o som, kkk
Adorei saber do sucesso do rapaz que achou sua mãe, genial!
Amigopratodavida,que você tenha lindo dia,
beijos

Samara Angel disse...

oiee meu querido Marco,saudadesssss,estive de mudança de casa telefone internet e tudo que vc pode imaginar pra atrapalhar e bagunçar a vida da gente né,mas to de volta e to rindo aqui de ver essa de sindrome ,mas nao acredito não,deve ser um jeito de aparecer na midia ,isso nao existe ,ris fala sério ne,mas lendo os posts anteriores,eu tb adoro assistir o Discovery channel,é demaissss,e continui assistindo a feiticeira e jenne é um genio ,rissss,deixo meu carinho uma linda noite e mil beijinhos,te adoro,vc é especial,carpedin aproveite a vida,bjss no core.

Samara Angel disse...

ops ,to tentando colocar imagem tb nos comentarios ,mas nao sei ,se alguem puder me ensinar eu agradeço muito, bjssssssssssss

Samara Angel disse...

www.paginasviradas.blogger.com.br/index.html

nao sei pq nao está aparecendo o endereço do meu blog,desculpe ,estou deixando aqui,bjssssss

Anônimo disse...

kkkkk.
200? menino... isso que eu chamo de uma mulher realizada sexualmente...

te beijo!

Renata disse...

hahhahahahah to aqui morrendo de rir imaginando a moça. A princípio pensei que a doença fosse até interessante (é bem melhor ter oitocentos mil que nenhum, eu imagino!), mas depois fiquei pensando melhor em como deve ser difícil essa situação pra ela, aí vc vem e me fala do velório....quase morri de rir, mas já pensou que loucura?!...rs...
Bjos e ótimo fds

Claudinha disse...

Olá Marco!
Tenho andado sumida por conta de trabalho demais nas férias (dá para acreditar? Férias de um trabalho, mas não do outro,rsrs!)
Eu também assistia ao Palance e adorava. lembro de muitos episódios. Já tinha ouvido falar muito de um tipo de distúrbio sexual assim, mas 200 orgasmos por dia atrapalha a vida de qualquer uma... Quanto às coincidências (mãe e filho) , eu creio que elas não existem...
Ótimo post como sempre!
Beijo e excelente final de semana procê!

Francisco Sobreira disse...

Marco,
Cheguei a assistir a um ou outro programa de Jack Palance. Não faz o meu gênero. Mas essa inglesa, hein? Obrigado pela s palavras gentis sobre o meu blogue, por ocasião do seu terceiro aniversário. Quanto aos meus livros. Infelizmente, só dos 2 últimos possuo mais de um exemplar. Me mande seu endereço ,por e-mail, que terei o maior prazer de lhe enviar um exemplar de cada um. Um abraço.

Janaina Staciarini disse...

Gente, que coisa esse moço e a mãe dele.... um barato!!
Agora... 200 orgasmos por dia. Fala sério!! Sei.
Beijos, Marco! Bom final de semana.

benechaves disse...

Eita, Marco, ri muito sobre esta 'última excentricidade'. Que mulherzinha, hein? Ou melhor: que mulherzão! Gozar 200 vezes ao dia! Putzsgrilla!! Tenho pena dela ao sair de casa... imagina o que não apronta nos caminhos da vida. Deve ficar dando 'choque' o dia inteiro(rs).
Sobre o 'acredite se quiser' eu me lembro, mas nunca acreditei em nada. E tb não me interessava em assistir. Pura exploração e ilusionismo!

Um abraço...

luma disse...

Cada bizarrice!! Puxar coisas pelas orelhas nem burro faz!! Quanto aos orgasmos da mocinha, seriam orgasmo mesmo? Sei lá, viu? Mas taí! Ela prova que orgasmo não emagrece! Ela é bem cheinha.
Bom fim de semana! Beijus

Links & Sites - Seleção dos Melhores Sites do Brasil! - disse...

L i n k s & S i t e s
Seleção dos melhores Sites do Brasil!
http://www.lksites.com

Parabéns pelo seu Blog!!!

- Link Atualizado. Ok!

Você continua fazendo parte da maior e melhor
seleção de Sites do País!!! - Só Sites Premiados -
Selecionado pela nossa equipe, você está entre
os melhores e mais prestigiados Sites do Brasil!

O seu link encontra-se no item:

" CANAL 3 " => Blog => Letra A

- Os links encontram-se rigorosamente
em ordem alfabética -

Pegue nosso selo em:
http://www.lksites.com/selo

* Aproveite e insira também nossa "Janelinha".
Veja como => http://www.lksites.com/janelinha/janelinha.shtml

Seus visitantes irão adorar!!!

Um abraço,
Dário Dutra

http://www.lksites.com/
....................................................................

adelaide amorim disse...

Querido Marco, estou sem internet em casa, aqui em S. Pedro, e devo voltar à rede depois do dia 22. Mas ando cheia de saudade dos amigos. Beijo grande.

MMartha disse...

Olá! :( MMartha

Lino disse...

Marco:
Eu também via Acredite se quiser, que hoje, pelo que sei, tem um site na internet.
Quando à inglesa, isso é uma afronta a nós, homens, que não temos orgasmos múltiplos e nem conseguimos 300 por dia.no

Dominique disse...

Nossa, Marco, começar o ano com "Acredite se Quiser" foi engraçado!
E as esquisitices de que falou são apenas a ponta do iceberg. Hoje em dia, quando mais estranho, mais bizarro mais famoso se torna. Quer um exemplo? Ligue a televisão e tente assistir àquele programa intitulado de Big "Mala" Brother 8! Não há bizarrice maior do que enfiar numa casa pessoas tão acéfaladas e ainda pagar para que nada façam. Bizarras são as pessoas que ainda por cima assistem!

Bom, chega de críticas! E cada um com seu gostos (duvidosos).

Adorei a lembrança do programa. Me lembro vagamente de ter assistido a um episódio, acho que foi no canal pago. Mas achei muito interessante!

Um abração, Marco!

adelaide amorim disse...

Marco, andava saudosa do Antigas Ternuras e de teus posts bem-apanhados. Ainda meio sem tempo, mas agora conectada (enfim!), deixo beijo e volto breve.

Anônimo disse...

200 orgásmos diários!!! Isso tem tratamento, quero dizer, posso ficar igual??? Plano de saúde cobre tratamento??? KKKKK Que doidera! Um abraço!