sexta-feira, março 16, 2007

É tempo de festejar!...


E assim se passaram dois anos...
Parece que foi ontem: fui no blog Mente Inquieta, da coleguinha Isabela Saes e, por um engano no template dela, acabei abrindo um blog. Isso aconteceu em 16 de março de 2005. De lá para cá, tanta coisa rolou, conheci tanta gente incrível, li escritos fantásticos de amigos blogueiros. Tive a chance também de fazer novos amigos, que chegaram aqui, sabe-se lá como, e me deram e dão o prazer de me ler. Fico emocionado quando leio, por exemplo, o Zeca, do Janelas Abertas, me dedicar um post e ver queridos amigos comentando lá e dizendo que gostam de me ler. Ao Zeca e a todos, muito obrigado pelo carinho. Quando comecei a escrever aqui neste blog, quase ninguém me lia. Talvez só meu amiguirmão Luiz, que nunca me falta em momento nenhum de minha vida e já se vão mais de 40 anos de amizade. Hoje, vejo no contador que se aproxima de 50.000 visitas!!! Caraco!
*

Bem, hoje é dia de festa no Antigas Ternuras. Tem bolo e champagne para quem me der a alegria de vir aqui comemorar comigo. No segundo aniversário do blog, resolvi fazer o seguinte: selecionei dois textos entre os que já publiquei aqui. Um, saiu aqui no primeiro ano da criação do blog (entre 2005-2006, o texto “Vai com Deus!”, que está abaixo). O outro, foi postado ao longo do segundo ano (2006-2007) e devo republicá-lo na próxima terça-feira. Dois anos, dois textos no “Vale a pena ler de novo”.
*
Muito, muito obrigado a vocês, pela sadia convivência nesses dois anos. Vocês, amigos, blogueiros ou não, são e serão minhas eternas ternuras.


Tim-Tim!
************************************

Vai com Deus!

É tempo de férias, de relaxar... Então, que tal Boquete? Ou talvez você queira Pica? Ah, já sei: você prefere Cagar, não é?
Calma, queridas leitoras! Não precisam fechar esta página, achando que eu enlouqueci.
Eu explico. Um minutinho só.
*
Quando eu trabalhava em assessoria de imprensa, uma de minhas tarefas era descobrir pautas para os jornalistas. Volta e meia eles telefonavam para lá atrás de uma nota ou de uma sugestão de matéria. Os colunistas, então, ligavam na sexta-desesperados, pois tinham de fechar as colunas de sábado, domingo e segunda. Por conta disso, nos meus momentos de folga eu me debruçava no Anuário Estatístico, atrás de alguma coisa que pudesse interessar os meus coleguinhas.
*
Certa vez eu estava lendo a relação de todos os municípios brasileiros e me divertia com os nomes engraçados, como Varre-e-Sai (RJ), Passa e Fica (RN), Não-me-Toque (RS), Mato Leitão (RS), Bofete (SP), ou mesmo com Nova Iorque (MA), Barcelona (RN), Califórnia (PR), Xangri-Lá (RS)...
Mas o grande barato eram as cidades batizadas com nomes sugestivos, como Fartura (PI), Saudades (SC), Alegria (RS), Segredo (RS)... Fiquei pensando: será que os habitantes de Feliz (RS) são felizes? E em Concórdia (SC), ninguém briga? Como seriam os indicadores de doenças da cidade de Saúde (BA)? E em Segredo (RS), não tem fofoca? O povo de Caridade (CE) honra o nome da cidade? Será que em Fartura (PI) o povo tem do bom e do melhor?
Senti que essa idéia poderia dar samba. Quando um jornalista ligou pedindo sugestão de pauta eu entreguei essa.
*

O cara adorou a idéia. Ele a apresentou ao seu editor, que também gostou e a matéria saiu. Meia página. Usando as sucursais e o escambau.
Na nossa conversa, eu comentei com ele aquela famosa frase de pára-choque de caminhão: “Os rapazes de Ponta Grossa não se casam com as moças de Curralinho”. Mas concordamos que seria uma grosseria usar esse tipo de coisa, por mais tentador que fosse.
Pois é.
O jornalista Paul Yancovic sucumbiu à tentação. Ele teve uma idéia semelhante à minha, só que levou para um outro lado. Abriu o mapa-mundi e saiu procurando cidades que tivessem nomes...hum...digamos...um pouco safadinhos. E para o meu pasmo, encontrou cidades com o nome de Boquete, Pica, Cagar e outras de igual calibre...
*
A matéria do cara ficou hilária. A gente chega a desconfiar de que aquilo é mentira. Foi quando o jornalista que há em mim resolveu conferir. Caí dentro da internet e...
Não é que as cidades existem mesmo!
*
Examinemos, pois, estas cidades tão singulares.
Boquete, por exemplo, fica no Panamá, na sua parte ocidental. Pelas fotos parece ser um lugar aprazível. É uma área montanhosa (1.200 metros acima do mar). Faço duas sugestões para hospedagem: o Isla Verde Suites, com diárias entre 60 e 80 dólares. (Veja foto)

Caso alguém esteja interessado e saber mais desta bela cidade, é só clicar aqui. O site tem som e aparece um tucano dançando e convidando você para “escape to Boquete”. Duvido que você não vá sentir vontade. Mas cuidado com a culinária do lugar. Eles abusam da pimenta. Abusar em Boquete pode deixar você com a boca ardendo.
*

Prefere praia? Então vá a Bosta. Esta belíssima praia fica na Escócia, na ilha Grande Bernera. Se a praia é uma bosta? Bem, ela é mais limpa que o Piscinão de Ramos. Agora, no alto verão a temperatura da água de lá não ultrapassa os 13 graus. Quer conferir o lugar? Então clique aqui, aqui e aqui.
*
Se o seu caso é descansar em um lugar tranqüilo, então Cagar é a sua melhor escolha. Essa também fica na Escócia, que está se revelando um lugar de nomes mais que exóticos. Caso você queira passar suas férias lá, pode fazer o circuito Cagar-Bosta. De acordo com o site Geo-Edinburgh, este aprazível lugar é uma pequena colina, no distrito de Sutherland, com 377 metros de altura. A localização exata está aqui. O jornalista Yancovic afirma na matéria que quem se aventurar a ir até lá, deve levar jornais e revistas, pois ler é o melhor a se fazer em Cagar. Deve ser mesmo...
*
Na Libéria, África, tem um lugar que honra o nome. É Foda. Fica num fim de mundo, está cercado pela miséria mais miserenta e ainda padece com uma guerra civil sem sentido. Pode ser que o seu lado humanista leve você a ter vontade de conhecer o lugar que é Foda. Se for este o seu caso, conheça as características de lá clicando aqui.
*
Se você é macho mesmo, então o seu caso é Bicha. Para ir até lá, só com muita testosterona. O lugar fica no Kosovo e foi palco do pega-pra-capar entre albaneses e sérvios, que lutaram para ficar com a Bicha. Ao lado, você vê uma foto do local.

Se quiser conferir informações sobre o lugar, o site é este.
*
Se você gosta de esportes radicais, então o seu negócio é Pica. E ela está lá, te esperando no Chile, próximo ao deserto de Atacama. Dunas belíssimas (veja a foto ao lado)

confira só clicando aqui e aqui. Diz este site que para entrar em Pica é só pegar um desvio na autovia Carretera Panamericana, pouco depois de Pozo Almonte. Lá tem hotéis, restaurantes e pousadas. Só tenha cuidado com o sol do lugar. Quem abusa em Pica, acaba todo assado.
*
Tenho outra sugestão para o povo que gosta de emoções fortes: Bunda. Sentir o friozinho na espinha quando está nos picos de Bunda é o sonho de muita gente. Veja a foto do lugar.

Este belo panorama fica no sul da Austrália, leia maiores informações clicando aqui e aqui. Se você estiver a fim de Bunda, pode ficar tranqüilo que Bunda é limpinha. Caso você decida por essa beleza, tenha cuidado ao entrar no mar. Lá tem muitos tubarões que adorariam morder você numa parte macia localizada nas suas costas.
*
Não tenho certeza, mas acho que você vai gostar de Racha. Esta pequena ilha na Tailândia, quente e úmida é tudo o que você pediu a Deus. Você vai urrar de prazer só de chegar perto dessa Racha. Entre no site do grande hotel que tem lá, o The Racha, que você vai ver como é bom gozar em Racha.
*
Quer entrar numa fria? Então Chupa. Fica na Carélia, no noroeste da Rússia. Se quiser escrever para lá, coloque no envelope “Chupa na Carélia”. Se o sujeito do Correio não achar que você está de sacanagem com ele a carta chega.
O lugar é bonitinho (foto ao lado)

Veja a localização de Chupa clicando aqui e lendo o texto de Ricardo Prego. Chupa e Prego parece que foram feitos um para o outro. Outro site onde você pode pegar informações é este aqui. Lá tem um festival de inverno onde fazem muitos bonecos de neve. Boneco e Chupa parece que também foram feitos um para o outro.
*
Mas se você quer conhecer um lugar de gente famosa, prefira Busseto. Fica na Itália e é a terra de Verdi. Ah, nada como a ópera e a grande Busseto de Verdi! Conheça esta bela comunidade clicando aqui. Tem várias fotos e explicações sobre Busseto, suas mulheres e seu jeitinho de ser. Que bela Busseto! Merece ser vista, se você nunca viu Busseto na vida.
*
Esta aí, moçada. A agência Antigas Ternuras Tur, leva você aonde você nunca pensou que iria. Faça as malas, atualize o passaporte, escolha o destino, boa viagem e vá com Deus!
M.S.
*************************************************
Na Rádio Antigas Ternuras, você ouve a canção de aniversário que embalou minha infância: “Parabéns, Parabéns”, com meu querido amigo Carequinha. Lembra dessa?


Minha amiguinha Samara me deu este prêmio e eu fico muito feliz por exibi-lo aqui. Muito obrigado, Samara.

25 comentários:

Bruxinhachellot disse...

Curiosamente hilário! Engasguei de tanto rir. Parabéns meu amigo e que muitos anos ainda venham.

Obs.: hoje é sexta-feira e nada melhor do que rir um pouquinho né? Então tive que ler para meus colegas de trabalho. Resultado: lágrimas e muitas gargalhadas.

Beijos de vida.

Bosco Sobreira disse...

Meu Caro Marco,
Vc. produz com tal intensidade que estou sempre, uma ou duas postagens, atrasado. Bem, mas hoje, é pra te parabenizar pelo aniversirário, dizer da minha satisfação de ter conhecido teu blog e do prazer de estar sempre aprendendo algo ou exercitando a emoção aqui.
Muito obrigado, me u caro amigo. E longa vida para o Antigas Ternuras.
Forte abraço

Francisco Sobreira disse...

Marco
Que bom que o seu blogue está com dois aninhos. Ele é apenas 2 meses mais novo do que o meu. Parabéns e que você cottinue , por muitos anos, a nos oferecer textos divertidos como esse que inaugurou a sua página. Você falou, entre as cidades de nomes curiosos, de Caridade, no Ceará. Pois saiba que fica vizinha à minha cidade, Canindé. No meu tempo de estudante, havia, na Bahia, uma cidade chamada Caixa-Prego. Será que ainda existe com esse nome? Um grande abraço e um grande fim de semana.

DO disse...

Só vc mesmo pra nos proporcionar estas coisas,MARCO,heheheh.
Adorei !!
Muitos dos nomes eu jamais podeira imaginar que existiam mesmo.
Mas hj é dia de festa e como um fã seu quero te dar os sinceros parabens.
Obrigado por nos proporcionar tantas informações neste seu cantinho que é tão gostoso.
Saiba que é um prazer enorme estar diariamente aqui.
Que muitos outros anos estejam por vir
Abração!!

Claudinha disse...

Olá Marco,
vim aqui deixar o meu abraço especial de parabéns pelo segundo ano do Antigas Ternuras. Você sempre nos brindando com suas ternuras que, inevitavelmente, despertam as nossas. Isto quando não são as mesmas. Achei excelente a homenagem que o amigo Zeca fez, você merece! Deixei meu comentário lá. O Zeca é muito querido por mim também. Seu texto é hilário, perfeito e me assustou no início! Mas eu sabia que aí tinha coisa e logo vi ao continuar a leitura. Espero que o AT continue a brilhar na blogosfera e a nos proporcionar estas leituras deliciosas. Parabéns meu amigo, tudo de bom! Bom final de semana e ótima semana! Beijo.

Moacy disse...

Parabéns! Parabéns! O seu blogue, sem dúvida, é um dos melhores do mundo virtual. Um grande abraço. E que os dois anos se transformem, pelo menos, em 20 anos de realizações blogueiras.

Márcia(clarinha) disse...

Chupa fica na Carélia que deve atrair gente de Busseto, aff! que samba de crioulo doido e safadinho,rsss
PARABÉNS PRA VOCÊ NESSA DATA QUERIDA MUITAS FELICIDADES MUITOS ANOS DE VIDA! Uebaaaaaaaa! Amigopratodavida, dois aninhos heim? humrum, isso sim que é presente[pra nós,rss]
te loviu muito!
dias lindos
beijossssssssssss
*hum, comi bolo e o champanhe bebi todo que tinha,rss, delícia

Escorpiana Explosiva disse...

PASSEI AQUI PRA DESEJAR TODA FELICIDADE DO MUNDO E QUE CONTINUE COM ESSE BLOG MARAVILHOSO.

BOM FDS BJO

Lili disse...

Você mais que merece todas aas homenagens. Seu blog é um dos mais interessantes da net - talvez o mais. Nem preciso dizer que virei sua fanzona logo de cara. Adorei o replay do post. Muito curioso e engraçado. Milhões de parabéns e de beijos. Desejo-lhe um ótimo fim de semana.

Luiz disse...

Meu inseparável irmão, amigo, confidente, cúmplice Marcão.
Como um dos maiores entusiastas em participar do seu blog, não posso deixar de trazer meu beijo fraterno e novamente desejar que um dia se cumpra minha aspiração de vê-lo editado com seus impagáveis "causos". Sucesso sempre!!!!

celina disse...

Vida longa e próspera, menino Marco. Para você, para o blog e para os seus escritos, que um dia veremos no bom e velho formato 14x21... Obrigada pelo seu incentivo, obrigada pelos momentos bons aqui vividos ou lembrados. Beijos com muitas ternuras.

Paulo Sempre disse...

Parabéns!
A minha consciência está, agora, mais sossegada: afinal o meu blog é mesmo uma criança (- de um ano).
Abraço
Paulo

Mut disse...

Marco , peço desculpas. O que acontece é o seguinte: de uns dois anos para cá , as paradas de sucesso de música adolescente foram invadidas pelos "emos" , que são uma tribo que canta músicas tristes sob melodias pesadas - mais ou menos como os góticos , só que sem o lado "cult" destes. E taí uma coisa que eu abomino , musicalmente , generalizando , pelas letras pobres e tudo. Por isso quando vi você falando dos caras , já desisti da idéia.

Mas o que importa é o aniversário do Antigas Ternuras! Parabéns meu amigo , por este blog que é um dos mais divertidos da net. Eu , como nostálgico de coisas que não vivi , me divirto muito aqui. E dou muitas risadas. Este texto dos lugares estranhos é um achado. Já tinha lido , mas é fantástico!

Abração!

_Maga disse...

Parabéns!!!!! Muitos anos para o blog, muitas palavras para nós, leitores, e muitas ternuras para ti, Marco!

***

hahahaha adorei!!!

o que vc não vai acreditar é: conheço várias das cidades brasileiras citadas no post. rs
Já fui a Não-me-Toque (RS), Califórnia (PR), Concórdia e Xangri-Lá (RS).

Já morei em Ponta Grossa... e você sabe que entre Ponta Grossa e Curitiba tem uma cidade chamada Campo Largo? Dizem que os homens de Ponta Grossa gostam das mulheres de Campo Largo... (no curto tempo que morei lá ouvi piadas assim muitas e muitas vezes rs).

Sabia que a cidade de Feliz tem (ou já teve) o maior IDH do pais? Legal né?

Já morei em várias cidades e conclui que é dificil arrumar um nome não esquisito para um cidade. A que moro hoje chama-se Londrina. Toda vez que estou lendo uma reportagem sobre Londres e leio: a população londrina... tenho que voltar para re-ler a reportagem porque nunca entendo que o Londrina foi fazer lá no meio... hahahahahaha

Por exemplo já morei próximo a Concordia, em uma cidade chamada Xanxerê, que fica ao lado de Xaxim e Chapecó.

Alias, Xaxim e Chapecó são separadas apenas por um rio. Dizem que havia um alemão pescando em uma margem e um italiano pescando em outra. Então o italiano perguntou:

- Chá pegó? (Já pegou?)
- Xá ssim! - respondeu o alemão.(Já sim... rs)

E essas cidades ficam próximas a Quilombo. Deve ser o quilombo mais polaco do mundo... rs

Nasci em Pato Branco, Pr. Há muitos anos existe um rivalidade entre essa cidade e outra da região chamada Francisco Beltrão. Dizem que esta ultima cidade mudou o seu antigo nome por culta dessa rivalidade. Qual era o nome? Marreca... é... pelo jeito Pato Branco pegou Marreca de jeito, e pelo menos nessa disputa ganhou... rs

Lógico isso sem citar a cidade que fica próxima a Londrina (ao lado de California) Borrazopolis. Ou Rolandia.

Um nome que, desde que morei em Goias, sempre me fez rir é Buriti Alegre-Go (imagina os buriti só sorriso, dançando, de felicidade??? rs).

Morei até os treze anos de idade em Mariópolis (Pr). Nunca ouvi falar? Estranho seria se tivesse ouvido... afinal, o hino da cidade é: "Mariópolis, pequenina sem igual..." é sério... aprendi a cantar na aula... (o pior é que sempre tive a impressão de que era a única que entendia a piada... ahahahah).

Nossa... tantas outras coisas... rs

me empolguei.. hehehe

beijos querido e felicidades!! :) [guarda o meu pedaço de bolo... rs]

Renata disse...

Marco, meu carinhoso parabéns! Sinto-me uma sortuda por ter descoberto o antigas ternuras e vc! bjao!!!

cilene disse...

Parabens....muitos anos de vida para o seu blog ..tao especial e tao diferente..

Sylvia disse...

Oi meu amor,
não resisti e passei para dar-lhe parabéns! Ah! Esse menino é impossível.... Deliciosamente impossível...
Beijo carinhoso,
Syl

Lino disse...

Marco:
Cheguei, tomei uma taça de champanhe, comi um pedaço de bolo e deixo aqui meus parabéns. Um dia ainda vou fazer dois anos de blog.
Quando às viagens, belos nomes, que nada têm a ver, pelo menos do nosso ponto de vista.

Samara Angel disse...

oie meu querido Marco,nossa to rindo aqui sem parar só vc mesmo com seu bom humor e critico nao existe ninguem igual te adorooooooo,parabens por dois anos de blog ,vc merece o The best do paginas viradas ,ficarei muito feliz se aceitar ,grande abraço mil beijinhoss

Escorpiana Explosiva disse...

valeu a visita

nadja disse...

NOSSA MIGUXO MARCOS..VI SEUS COMENTS NO BLOGGER ..DA ADORADINHA SAMARA..E VIM CORRENDO AQUI CONHECER SEU CANTINHO ..MISERICORDIA RI MUITO CONTIGO HOMEM KKKKKKKKKKKKKKKKK
BEM PARABÉNS POR TUDO PELOS DOIS ANOS DE BLOGUXO..E CONTINUE... SE CUIDE TÁ..APARECE LÁ NO MEU BLOGGER OK!É SIMPLES MAS FEITO COM MUITO AMORE!!!!!!!!
Uma flor prá vc, com mto carinho!
.._    / )%.===.%( \
| / / , , , \ \ |
\ /  \/o . o\/ \ /
/ \  (  _ ) / \
^^ / `"""´ \..^^
......( ..(_@_)..)
...../ ' - .. Y .. -' \
..../   .|  ..\
.../ __________.\
........_| _|_ |_
.......(___|___)B-JUSSSSSSSSS

M.Eduarda disse...

Queridoooo parabéns pelos dois anos de blog e de textos maravilhosos!!!
beijos

Alê Barros disse...

Querido,

Poxa, pra variar eu sempre atrasada, mas dei uma "fuçada" na geladeira e ainda encontrei um teco de bolo...hehehe
Meu, fazer níver de blog é o maior barato né? No outro eu já tenho acho que quase 3 anos de blog, nesse ainda nem 1 ano, mas pretendo dar um festão...
Olha, quero que saiba que conhecer-te e a seu blog foi demais, porque vir aqui é sempre ter a certeza de ler coisas boas...
Aliás, o texto de hj, foi demais...acho que um dos teus melhores!!! Me diverti com ele!
Esses dias me lembrei de uma expressão e me veio vc na cabeça, tipo: Poxa, preciso pedir ao Marco que faça um post sobre isso, mas agora esqueci a expressão...kkkk
Volto qdo lembrar.
Beijos querido,

Fugu disse...

Meu amigo querido,
Quase chorei de rir com seu post. Delícia pura. Para combinar com ele, melhor seria brindarmos com uma dose de cachaça (poderíamos escolher entre Amansa Corno, Segura Sogra ou várias outras com nomes sugestivos). Para finalizar o programa, sairíamos num dos blocos de carnaval do Rio.
Afinal, a capital da sacanagem ainda é aqui!
Parabéns!
beijo você.

Ana Carla disse...

E que quase perdi essa festa! Antes tarde do que nunca: PARABÉNS, MARCO ÍDOLO! Rs... Sem saber, fiz um tunel do tempo lá em casa. Adoro as viagens por onde nos guia. Receba meu carinho, sempre!